Rechercher

Ato de consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria, por Dom Marcel Lefebvre



Ato de Consagração da Rússia ao Imaculado Coração de Maria


Prostrados ao pé de vosso trono de graça, ó Rainha do Santíssimo Rosário, propomo-nos a atender, na medida de nossas forças, aos pedidos que fizestes quando, há cem anos, viestes a esta terra para vos mostrardes a nós.


Os abomináveis pecados do mundo, as perseguições contra a Igreja de Jesus Cristo, e, o que é pior, a apostasia das nações e das almas cristãs, e o esquecimento por tantos de vossa maternidade de graça dilaceram o vosso Coração Doloroso e Imaculado, tão unido em sua compaixão com os sofrimentos do Sagrado Coração de Vosso Divino Filho.


A fim de reparar tantos crimes, pedistes que se estabelecesse no mundo a devoção reparadora ao vosso Imaculado Coração; e para deter os açoites de Deus que predizíeis, fizestes-vos a mensageira do Altíssimo para pedir ao Vigário de Jesus Cristo, juntamente com todos os bispos do mundo, a consagração da Rússia ao vosso Imaculado Coração. Desgraçadamente, continuam sem atender a vosso pedido.


É por isso que, antecipando-nos ao feliz dia em que o Sumo Pontífice finalmente acederá aos pedidos de vosso Divino Filho, e sem nos atribuir uma autoridade que não nos corresponde, mas com uma humilde súplica a vosso Imaculado Coração, enquanto bispo católico, penetrado de solicitude pelo destino da Igreja universal e em união com todos os sacerdotes e leigos fiéis, decidimos responder, de nossa parte, aos pedidos do céu.


Dignai-vos, portanto, ó Mãe de Deus, aceitar em primeiro lugar o ato solene de reparação que apresentamos ao vosso Coração Imaculado por todas as ofensas com que ele, juntamente com o Sagrado Coração de Jesus, é afligido pelos pecadores e pelos ímpios.


Em segundo lugar, nós vos damos, entregamos e consagramos, tanto quanto está em nosso poder, a Rússia ao vosso Imaculado Coração: rogamo-vos, em vossa misericórdia maternal, que tomeis essa nação sob a vossa poderosa proteção, que façais dela vosso domínio onde reineis como Soberana, que façais dessa terra de perseguições uma terra predileta e bendita. Suplicamo-vos que submetais tão bem essa nação a vós, que, uma vez convertida de sua impiedade oficial, torne-se um novo reino para Nosso Senhor Jesus Cristo, um novo legado para o Seu doce cetro. Que, retornando de seu antigo cisma, ela regresse à unidade do único rebanho do Pastor Eterno, e assim submetida ao Vigário de vosso Divino Filho, torne-se um ardoroso apóstolo do reinado social de Nosso Senhor Jesus Cristo sobre todas as nações da terra.


Também vos suplicamos, ó Mãe de Misericórdia, por este prodigioso milagre de vossa onipotência suplicante, que manifesteis ao mundo a verdade de vossa mediação universal da graça.


Dignai-vos enfim, ó Rainha da Paz, dar ao mundo a paz que ele não pode dar, a paz das armas e a paz das almas, a paz de Cristo no Reino de Cristo, e o Reino de Cristo através do reino de vosso Imaculado Coração, ó Maria. Amém.


Dom Lefebvre, sermão de 22 agosto de 1987 em Fatima.